Você sabia que muitas doenças que existem hoje em dia são provocadas por inflamações? Este é um processo que acontece no organismo que vai muito além dos sintomas mais conhecidos como vermelhidão, dor, edema e sensação de calor.

Só para você ter uma ideia, até mesmo a gordura, causada pelo excesso de peso, pode passar por um processo de inflamação e causar vários prejuízos ao corpo.

Por isso nesse blog post vamos explicar como funciona o processo de inflamação e mais: como substâncias naturais podem ajudar a combater esse problema. Veja!

Como funciona a inflamação ligada à obesidade?

conheca-substancias-naturais-que-combatem-as-inflamacoes

Diferentemente das outras inflamações, a que está ligada a obesidade é difusa e afeta o organismo de forma generalizada, alcançando os vasos sanguíneos e até o cérebro, podendo se tornar crônica.

De acordo com Catherine Duggan, cientista do Centro de Pesquisa do Câncer em Seattle, o excesso de peso ou a obesidade produzem citocinas inflamatórias no corpo, portanto, isso significa que seu corpo está em um estado de inflamação de baixo grau e de longo prazo.

E quanto às outras inflamações?

São uma resposta local à lesão celular ou a agentes como vírus e bactérias que causam dilatação capilar, infiltração leucocitária, vermelhidão, calor e dor e que servem como um mecanismo de defesa, eliminando agentes nocivos e tecido danificado.

Como acontece o processo de inflamação?

conheca-substancias-naturais-que-combatem-as-inflamacoes-1

Primeiro as células brancas do sangue são liberadas na corrente sanguínea ou no tecido afetado para proteger seu corpo de substâncias estranhas.

Isso aumenta o fluxo sanguíneo para a área de lesão ou infecção e esse aumento pode levar a vermelhidão visível e uma sensação de calor na área afetada.

O aumento de células brancas também pode provocar o vazamento de líquido nos tecidos do corpo, o que causa o sintoma de inchaço. Durante este processo de proteção os nervos são frequentemente estimulados e podem causar dor temporária.

E quais as causas?

conheca-substancias-naturais-que-combatem-as-inflamacoes-2

Uma dieta pobre, estresse, pequenas alergias alimentares, um estilo de vida sedentário e muitos outros fatores podem contribuir para a inflamação.

Algumas doenças, condições e situações também podem resultar em inflamação incluem: dor de garganta devido a um resfriado ou gripe, ferida na pele, como um corte, unha encravada infectada, algum tipo de trauma físico no corpo, bronquite aguda, sinusite e dermatite.

Todas essas são consideradas inflamações agudas, mas existem também as crônicas que causam doenças como: asma, doença cardíaca, artrite reumatoide, esclerose múltipla, úlcera péptica crônica, lúpus eritematoso sistêmico, periodontite, colite ulcerativa, Doença de Crohn e hepatite.

E o que fazer?

– Evitar alimentos como açúcar, gorduras ruins (encontradas em fast foods e outros produtos fritos, salgadinhos processados, biscoitos e a maioria das margarinas), carboidratos refinados (feitos com farinha branca), glúten, aspartame e álcool;

– O tratamento da inflamação convencional pode incluir medicação, repouso, exercício e cirurgia (quando outras opções não funcionam). Os medicamentos de venda livre mais comuns convencionalmente recomendados para inflamação aguda de curto prazo são chamados de medicamentos anti-inflamatórios

Opções naturais e saudáveis:

conheca-substancias-naturais-que-combatem-as-inflamacoes-3

Mas existe uma forma natural para combater as inflamações! Alguns suplementos e alimentos são verdadeiros anti-inflamatórios para o corpo. Eles são ricos em substâncias que ajudam a reduzir os danos causados pela inflamação. Saiba quais são e como agem:

– Ácidos graxos ômega 3: inúmeros estudos comprovaram que os ácidos graxos ômega 3 que ajudam a inflamação em todo o corpo, combatendo uma ampla gama de problemas de saúde, especialmente aqueles causados por inflamações.

– Açafrão: é uma especiaria que também está disponível na forma de suplemento e que contém um poderoso componente chamado curcumina, que é conhecido por sua capacidade de inibir a inflamação;

A dieta mediterrânea contém muitos alimentos anti-inflamatórios e pode diminuir os níveis de colesterol ruim e o risco de doenças cardíacas, doença de Parkinson, doença de Alzheimer e câncer.

– Vegetais: coma no mínimo de quatro a cinco porções por dia de beterraba, cenoura, vegetais crucíferos (brócolis, repolho, couve-flor e couve), verduras escuras (couve, couve, espinafre), cebola ou ervilha;

– Frutas: três a quatro porções por dia de frutas saudáveis, como maçãs, amoras, mirtilos, cerejas, nectarinas, laranjas, peras, toranjas, abacaxis, ameixas, romãs ou morangos;

Água: certifique-se de beber água filtrada e em quantidade suficiente para o seu peso corporal. Água mineral com gás ou chá de ervas sem açúcar são outras opções para que você fique hidratado;

– Feijões e Legumes: coma de uma a duas porções por dia de feijão, feijão preto, ervilhas, grão-de-bico ou lentilhas;

– Ervas e especiarias: quantidades ilimitadas de ervas e especiarias ricas em antioxidantes, como manjericão, pimenta, canela, curry em pó, alho, gengibre, alecrim, açafrão e tomilho;

– Proteína: ovos orgânicos, carnes alimentadas com capim, queijos saudáveis, aves e laticínios;

DICA DE SAÚDE:

Lin Fish 33/22 – Óleo de Linhaça e Peixe em Cápsulas:

Mix de óleo de linhaça prensado a frio e óleo de peixe de alta concentração. Possui os três tipos de ômega 3 encontrados na natureza: DHA, EPA e ALA. É indicado para pessoas que necessitam de doses mais elevadas de ômega 3, pois ajuda no tratamento de enfermidades relacionadas à deficiência de ômega 3 e, graças à ação anti-inflamatória, auxilia no tratamento de doenças anti-inflamatórias e autoimunes que podem afetar qualquer parte do corpo

Agora que você já sabe mais sobre a inflamação e principalmente como combatê-la com a alimentação, repasse esse conteúdo para seus amigos e familiares, afinal compartilhar saúde é Vital!

Referências:
merriam-webster.com
medicalnewstoday.com
realsimple.com/health
arthritis.org/living
mainehealth.org
draxe.com
Como escolher um bom ômega?

A grande missão da Vital Âtman é promover a saúde

Baixe gratuitamente o e-book: Como escolher um bom ômega?

Baixe nosso E-book grátis