Quando você pensa em saúde dos olhos, qual a primeira coisa que lhe vêm à cabeça? Provavelmente deve ser uma consulta com um oftalmologista! E sim, você está certo! Esse profissional é responsável por cuidar da sua saúde ocular. Somente ele pode examinar, detectar doenças e prescrever o melhor tratamento, além de orientar sobre o uso de colírios e óculos de sol de boa qualidade com proteção contra os raios UV.

Mas você já parou para pensar que esses cuidados podem estar também na sua mesa? Isso porque muitos alimentos, principalmente as vitaminas desempenham um papel fundamental na saúde dos olhos. Para que eles possam se manter saudáveis e desempenhar bem suas funções, precisam de nutrientes.  

Por isso listamos quatro alimentos essenciais para a saúde dos olhos. Será que eles estão fazendo parte da sua dieta? Veja:

1 – Vitamina A: desempenha um papel crucial na visão, mantendo a córnea (cobertura externa do olho) bem clara. Esta vitamina também é um componente da rodopsina, uma proteína dos olhos que permite que você veja em condições de pouca luz.

Se não tratada, a deficiência de vitamina A pode levar a uma condição grave chamada xeroftalmia, uma doença ocular progressiva que começa com a cegueira noturna.

Pesquisas também relacionam a vitamina A a um risco reduzido de catarata e degeneração macular relacionada à idade (DMRI).

Boas fontes de vitamina A: ovos, agrião, espinafre, couve, cenoura e manga. 

2 – Vitamina E: pesquisadores da Universidade de Sydney, Austrália, acreditam que muitas condições oculares estejam associadas ao estresse oxidativo, que é um desequilíbrio entre antioxidantes e radicais livres no organismo.  

A vitamina E é um potente antioxidante que ajuda a proteger as células (incluindo as dos olhos) dos danos causados pelos radicais livres, que são moléculas perigosas e instáveis.

E mais: pesquisadores do “Age-Related Eye Disease Study Research Group” estudaram 3.640 pessoas com DMRI e descobriram que a ingestão de vitamina E, combinada com outros nutrientes, reduziu o risco de progressão da doença em 25%.  

Boas fontes de vitamina E: óleos de origem vegetal (soja, azeite de oliva, girassol, canola, amendoim), girassol, nozes, amêndoas, avelã e castanha-do- pará.  

conheca-quatro-substancias-indispensaveis-para-saude-dos-olhos

3 – Luteína e Zeaxantina: essas substâncias fazem parte da família dos carotenoides que podem ser encontrados na mácula e na retina dos olhos. Ali elas ajudam a filtrar a luz azul potencialmente nociva, protegendo os olhos.

Vários estudos sugerem que estes compostos vegetais podem prevenir a catarata e prevenir ou retardar a progressão da DMRI (Degeneração Macular Relacionada à Idade).  

Boas fontes de luteína e zeaxantina: repolho, agrião e espinafre são boas fontes de luteína, enquanto milho, gema de ovo e pimentão amarelo, de zeaxantina. 

4 – Ácidos Graxos ômega 3: as membranas celulares da sua retina contém uma alta concentração de DHA (ácido docosahexaenóico), que é um tipo de ômega 3. Além de ajudar a formar as células do olho, o ômega 3 têm propriedades anti-inflamatórias que podem desempenhar um papel importante na prevenção da retinopatia diabética.

Além disso, o ômega 3 também podem beneficiar indivíduos com doença do olho seco, ajudando-os a produzir mais lágrimas.

Boas fontes de ômega 3: peixes gordos de mares gelados como atum, arenque, sardinha e salmão selvagem ou bons suplementos. 

conheca-quatro-substancias-indispensaveis-para-a-saude-dos-olhos

Se você gostou desse conteúdo repasse-o para sua família e amigos, afinal compartilhar saúde é Vital!

 

Referências:
ods.od.nih.gov
ncbi.nlm.nih.gov
healthline.com