Você gosta de usar o óleo de coco em sua alimentação e em sua rotina de higiene e beleza, mas fica confuso com as informações divergentes que encontra sobre esta gordura, e ainda tem dúvidas se ela realmente é tão benéfica? Então este artigo é para você, para que saiba, de uma vez por todas, que o óleo de coco não é um vilão, mas sim um superalimento. Veja:

1 – Contém ácidos graxos com propriedades medicinais potentes

As gorduras saturadas saudáveis presentes no óleo de coco prensado a frio, conseguem aumentar os níveis de colesterol bom (HDL) e diminuir o ruim (LDL), o que diminui os riscos de doenças cardíacas. Alguns estudos demonstraram que o óleo de coco ajuda a baixar os níveis de triglicérides e otimizar a coagulação do sangue, além de possuir propriedades antioxidantes. 

Além disso, o óleo de coco contém triglicerídeos de cadeia média, que são metabolizados de tal maneira que, quando chegam ao fígado, são usados como uma fonte rápida de energia ou transformados em cetonas, o que o torna um alimento funcional. Podemos constatar, dessa forma, que nem toda gordura saturada faz mal;

2 – Populações que ingerem muito óleo de coco são saudáveis

Segundo informações do American Journal of Clinical Nutrition, o coco é uma comida consumida no ocidente, principalmente por pessoas preocupadas com a saúde. No entanto, em algumas partes do mundo, o óleo dessa fruta é um alimento básico passado de geração em geração. O melhor exemplo são os Tokelauans, população que vive no Pacífico Sul. Eles costumam comer mais de 60% de suas calorias a partir de cocos. Quando estudados, verificou-se que estavam em excelente estado de saúde, com taxas muito baixas de doenças cardíacas;

3 – Pode aumentar a queima de gordura

coco-superalimento3

Os Triglicerídeos de Cadeia Média presentes no coco, podem auxiliar o corpo a queimar calorias. Isso porque essa gordura influencia nossos hormônios e consequentemente, o corpo: em um período de 24 horas, o óleo de coco consegue aumentar o processo de queima de calorias em até 5%, o que já foi devidamente comprovado.

Ao usar o óleo de coco, prensado a frio, diariamente e por um longo período, a tendência é haver o controle do peso e até o emagrecimento quando associado a outras práticas saudáveis para a redução de gordura corporal.

Além disso, o óleo de coco é capaz de reduzir a fome, o que pode estar ligado ao modo como os ácidos graxos são metabolizados em nosso corpo, já que as cetonas podem diminuir o apetite, como já foi verificado em estudos.

O óleo de coco prensado a frio também pode auxiliar na redução da gordura presente na cavidade abdominal e em torno dos órgãos, o que acontece em muitos casos de doenças crônicas. Em um estudo feito com 40 mulheres com obesidade abdominal, foi oferecida a suplementação com 30 ml de óleo de coco diariamente, resultando na redução do IMC e da circunferência abdominal em um período 3 meses.

4 – Pode destruir microorganismos nocivos

O ácido láurico, presente no óleo de coco, tem a capacidade de formar a monolaurina, após ser ingerido. A monolaurina possui propriedades capazes de destruir diferentes tipos de vírus, fungos como a Cândida Albicans e até bactérias como a Staphylococcus Aureus, que é responsável por doenças perigosas como a pneumonia e a sepse;

5 – Pode proteger sua pele, cabelo e cuidar da saúde dental

coconut-oil

O óleo de coco prensado a frio tem vários usos cosméticos como:

– Reparador de pontas: protege as delicadas extremidades do cabelo com um tratamento regular com óleo de coco: aqueça uma pequena quantidade de óleo nas palmas das mãos, depois esfregue suavemente nas pontas do cabelo;

– Removedor de maquiagem: você tem olhos sensíveis ou tem dificuldade em se livrar dos resíduos de maquiagem? Aplique algumas gotas de óleo de coco ao redor de seus olhos e massageie suavemente em pequenos movimentos circulares para dissolver sua maquiagem. Enxágue com água morna e aproveite a sensação limpa e rejuvenescida.

– Hidratante labial: lábios hidratados e rosados transbordam saúde e beleza natural. O problema é que o excesso de gloss e batom contém todos os tipos de produtos químicos que podem ser maléficos para sua saúde. Leve um pequeno frasco de óleo de coco na sua bolsa! Você conseguirá o mesmo brilho e nutrirá os seus lábios ao mesmo tempo;

– Creme dental: misture o óleo de coco com uma gotinha de óleos essenciais de menta e orégano, ideais para a limpeza dos dentes. Aplique na sua escova de dentes e use em sua rotina normal de cuidados dentários. Isso pode potencializar a sua saúde bucal naturalmente;

6 –  Podem impulsionar a função cerebral em pacientes com doença de Alzheimer

Estudos verificaram que os ácidos graxos do óleo de coco prensado a frio, podem elevar os níveis de cetonas no sangue, elas, por sua vez, podem oferecer uma fonte alternativa de energia para as células cerebrais doentes e, com isso, especula-se que elas possam reduzir os sintomas da doença de Alzheimer.

7 – Contém propriedades antivirais e antifúngicas

A explicação está nos ácidos graxos presentes no óleo de coco prensado a frio, que são semelhantes aos ácidos graxos do leite materno e que podem auxiliar no combate a:

– Vírus que causam gripe, sarampo, herpes, mononucleose, hepatite C e AIDS;

– Bactérias que causam úlceras estomacais, infecções de garganta, pneumonia, sinusite, dor de ouvido, febres reumáticas, cáries dentárias, intoxicações alimentares, infecções do trato urinário, meningite, gonorreia e síndrome do choque tóxico (uma doença rara causada pela resposta dos linfócitos T às toxinas produzidas pelas bactérias Gram-positivas Staphylococcus aureus ou Streptococcus de grupo A);

– Fungos e leveduras que podem causar micose, candida, afta e parasitas que podem causar infecções intestinais, como giardíase.

Mas quanto consumir por dia?

O consumo de óleo de coco indicado para um adulto de tamanho médio é de quatro colheres de óleo de coco por dia, o que é equivalente a 200 gramas de coco fresco (aproximadamente meio coco); quatro xícaras de coco desidratado e moído ou ainda 290 mililitros de leite de coco diariamente. Esta dosagem também pode ser consumida ao tomar suplementos ou aplicando o óleo na pele, através da absorção pelos poros.

Ao optar por suplementos, escolha os de boa qualidade. O Vital Inib F, da Vital Âtman, é um suplemento em cápsulas de vitamina E com óleo de coco e óleo de orégano prensados a frio.

Desenvolvido a partir da sugestão de vários especialistas da área da saúde, o Vital Inib F contém os puros óleos de coco e de orégano, obtidos pelo legítimo processo de prensagem a frio, que podem trazer todos os benefícios citados acima!

Gostou deste artigo? Então divulgue, afinal, compartilhar saúde é Vital!

Referências:
healthline.com/nutrition
authoritynutrition.com/
health and nutritional aspects of coconut oil
prevention.com/beauty/coconut-oil-cures-for-your-skin-and-hair
allure.com/story/beauty-uses-for-coconut-oil.health.com/health