“Nossa como eu dormi bem esta noite”. É tão bom quando a gente acorda desse jeito, não é mesmo? Acordamos renovados, com disposição e bom humor. 

Isso porque o sono permite que o corpo se recupere de todo o desgaste do dia a dia.

Só que, infelizmente, muitas pessoas não conseguem dormir ou não dormem o número suficiente de horas por noite e não conseguem obter os benefícios do sono.

Mas não precisa ser assim! Algumas mudanças de estilo de vida, como o uso de substâncias naturais pode ajudar muito. Elas podem fazer toda a diferença na obtenção de um sono repousante. São elas: cálcio, magnésio, triptofano, raiz de valeriana entre outros. Saiba mais:

Conheça substâncias e alimentos que são amigos do sono

combata-a-insonia-com-substancias-naturais-1

1 – Triptofano

Sabe aquele soninho gostoso que dá depois do almoço? Então o responsável por esta sensação de sonolência é o triptofano, um aminoácido que pode ajudar a relaxar o cérebro. Ele é semelhante a à serotonina e à melatonina. Você pode obter triptofano e serotonina a partir de carboidratos, aveia integral, arroz integral, milho ou quinoa.

Um estudo publicado na “Sports Medicine out of France”, descobriu que a ingestão de carboidratos e algumas formas de proteína (especialmente aquelas que contêm triptofano produtor de serotonina), como peru, nozes e sementes, ajudaram a promover o sono reparador. Até o suco de cereja, que contém propriedades curativas como antioxidantes, pode ser uma ótima opção.

2 – Cálcio

Você sabia que o cálcio afeta nosso ciclo de sono? De acordo com o European Neurology Journal, os níveis de cálcio são mais altos durante os períodos de sono com movimentos oculares rápidos (REM).

Isto significa que, se você nunca chegar à fase do sono REM (ou se for limitado), isso pode estar relacionado a uma deficiência de cálcio.

Pesquisadores dizem que o cálcio é importante porque ajuda as células do cérebro a usar o triptofano para criar melatonina – um auxiliar natural para o sono que o corpo produz.

Dica: um copo de kefir de leite de cabra fornece cálcio e magnésio que funcionam melhor para o sono quando consumidos juntos.

combata-a-insonia-com-substancias-naturais-3

3 –  Magnésio

Uma das causas da insônia pode ser a deficiência de magnésio. Estudos mostraram que níveis mais altos de magnésio podem ajudar a induzir um sono mais profundo, e, como citado acima, ele age melhor quando combinado com o cálcio, para melhor absorção.

Pesquisas da Unidade de Bioquímica e Neurofisiologia da Universidade de Genebra (Suíça), mostraram que níveis mais altos de magnésio ajudaram efetivamente a proporcionar um sono melhor e mais consistente para as pessoas, uma vez que o magnésio é um nutriente calmante.

Além do kefir do leite de cabra, alimentos como espinafre, sementes de abóbora e até mesmo chocolate amargo podem ajudar, já que são ricos em magnésio.

4 –  Óleos essenciais

combata-a-insonia-com-substancias-naturais-jpg-4

Medicamentos para dormir podem trazer diversos efeitos colaterais, mas isso não acontece com o uso da aromaterapia.

Um estudo publicado em “Terapias Complementares na Prática Clínica” foi realizado com pacientes com câncer, todos com sérios problemas para dormir. Ao longo de 13 semanas eles receberam varetas com óleos essenciais como bergamota, lavanda, sândalo e tangerina. O resultado? Noventa e dois por cento dos pacientes relataram melhora do sono.

5 – Maracujá

Esta fruta já é conhecida popularmente pelas suas propriedades calmantes e ansiolíticos. E um dos “ladrões” do sono é justamente a ansiedade que afeta a maneira como dormimos. O problema é que pessoas ansiosas não conseguem “desligar” o cérebro, principalmente na hora de dormir.

O maracujá pode fornecer o efeito calmante necessário para ajudar a desacelerar o pensamento.

E a sabedoria popular está certa: ensaios clínicos publicados no University Health News, mostraram que a fruta pode reduzir a ansiedade de forma tão eficaz como alguns remédios indicados para insônia.

6 –  Raiz de Valeriana

A raiz da planta Valeriana (Valeriana officinalis) contém muitas propriedades relaxantes e sedativas.  Frequentemente é ela é combinada com o chá de camomila para causar efeito calmante.

Mas como funciona? Aumentando a quantidade de ácido gama-aminobutírico (GABA), para acalmar as células nervosas do cérebro.

O GABA funciona bloqueando sinais cerebrais que causam ansiedade atuando também a longo prazo.

Mas quantas horas preciso dormir por noite?

A National Sleep Foundation divulgou uma pesquisa que mostra claramente: a qualidade de vida é muito melhor para pessoas que têm uma boa noite de sono de pelo menos sete horas, no caso de adultos.

Mas esse número pode variar conforme a idade. Sabemos que recém-nascidos, por exemplo, precisam de 14 a 17 horas de sono por noite, enquanto que para as crianças este número é de 11 a 14 horas.  

Como sei se tenho insônia?

A insônia é definida como a dificuldade em adormecer ou permanecer dormindo se acontecer por pelo menos três noites por semana durante três meses ou mais.

Outros sintomas são: dificuldade para dormir, acordar à noite e não conseguir dormir, não sentir-se descansado ao acordar, estar sempre com sensação de cansaço durante o dia, problemas de concentração, irritabilidade e problemas no trabalho e nos relacionamentos com as pessoas.

E o que fazer?

combata-a-insonia-com-substancias-naturais

A primeira providência é consultar um médico. Se optar pelas substâncias naturais citadas acima, não tenha vergonha de discutir isso com ele.

O médico também poderá identificar quais as causas da sua insônia e lhe ajudar a escolher o melhor tratamento para o seu problema.

O que não pode acontecer, é você continuar dormindo mal e arcar com os prejuízos para a sua saúde, carreira e relações pessoais.

Então pense bem nisso e procure ajuda!

Se você conhece alguém que sofre de insônia, repasse este conteúdo para quem precisa! Afinal, compartilhar saúde é Vital!

Referências:
sleepfoundation.org
sleep.org/articles
draxe.com

 

Guia Prático de Óleos Naturais e Vitais

Muitas informações e curiosidades sobre ômegas em um único e-book

Baixe gratuitamente o e-book: Guia Prático de Óleos Naturais e Vitais

Baixe nosso E-book grátis